CineFiesta 2018

CineFiesta 2018

A Mostra de Cinema Espanhol consolida-se como um evento de referência da sétima arte espanhola em Portugal.

Cine Fiesta apresenta-se como uma ocasião única para dar a conhecer e mostrar ao público portugués a riqueza e a diversidade do cinema espanhol. Esta Mostra tem-se realizado desde o ano de 2012 e nas seguinte edições foram apresentados os filmes mais destacados do cinema espanhol atual. A partir de uma cuidada seleção de cinema feito/realizado em Espanha, Cine Fiesta pretende ser uma montra para a promoção e a difusão do cinema espanhol em Portugal.

Perfectos Desconocidos

  • 28 de setembro às 21h30.
  • De Álex De la Iglesia, Espanha, 2017, 96 minutos.
  • Ver trailer.

Num jantar entre quatro casais, que se conhecem por toda a vida, propõe-se um jogo que vai por na mesa seus piores segredos: ler as mensagens em voz alta e responder publicamente às chamadas recebidas nos seus telefones durante o jantar.

Los Futbolísimos

  • 29 de setembro às 19h00.
  • De Miguel Ángel Lamata, Espanha, 2017, 103 minutos.
  • Ver trailer.

Pakete, Helena e os seus colegas da escola envolvem-se em todo tipo de aventuras onde a sua inteligência e amizade serão postas a prova. Tudo para descobrir o mistério que poderia terminar com a sua equipa de futebol e com a continuidade da turma. Eles são vítimas de uma conspiração ou é tudo o resultado do acaso? Chegou a hora de fazer um pacto secreto e criar Los Futbolísimos com um objetivo claro: resolver o enigma e poder ficar juntos.

El Intercambio

  • 29 de setembro às 21h30.
  • De Ignacio Nacho, Espanha, 2018, 84 minutos.
  • Ver trailer.

Eles já estão a caminho e a Eva continua insegura. Seu profundo amor e veneração pelo Jaime levaram-na a aceitar uma proposta especial: uma troca de casais para oxigenar e reavivar seu casamento depois de quinze anos. O Jaime é duplamente calmo: uma exuberante brasileira de 19 anos espera por ele, enquanto a Eva terá de se contentar com um partenaire sem graça e sem atrativos. O que foi pensado como uma noite de jogo, desinibição e revitalização para este casamento, torna-se uma confusão entre quatro paredes quando o Jaime descobre que o casal de jogos não é quem eles diziam ser …

Estiu 1993

  • 30 de setembro às 19h00.
  • De Carla Simón, Espanha, 2017, 97 minutos.
  • Ver trailer.

A Frida é uma menina de seis anos que, após da morte da sua mãe, deve mudar para a casa dos seus tios. Embora os seus tios e a Anna, a prima pequena, a recebam de braços abertos, Frida não se consegue adaptar a sua nova vida. Longe do seu entorno, morando numa casa no meio do campo, Frida tem de compreender o que supõe ser uma menina num mundo de adultos.

Diana

  • 30 de setembro às 21h30.
  • De Alejo Moreno, Espanha, 2018, 103 minutos.
  • Ver trailer.

O quarto de um apartamento da Castellana, Madrid. É o quarto da Sofia, uma escort de luxo. Seu novo cliente descobre o misterioso nome que ela tatuou na sua perna: “Diana … Diana é seu nome verdadeiro?” Ele se apresentou como Hugo, mas na realidade ele chama-se Jano. Ele apresentou-se como um empresário educado, um empreendedor moderno e próximo. É? O apartamento da Sofia se tornará o cenário para um jogo perturbador, onde as personalidades que ambos escondem serão reveladas, como capas de uma cebola complexa até chegarem ao coração. E a chave da Sofia é descobrir quem é a Diana e o que significa para ela.

Bajo la Rosa

  • 1 de outubro às 19h00.
  • De Josué Ramos, Espanha, 2017, 99 minutos.
  • Ver trailer.

A Sara, a filha mais nova do Oliver e a Julia, desaparece. Os dias correm sem notícias da menina, até que uma manhã a familia recebe uma carta de alguém que diz ter retida à Sara e que que apenas uma coisa: ir falar com eles nessa mesma noite.

Amar

  • 1 de outubro às 21h30.
  • De Esteban Crespo, Espanha, 2016, 105 minutos.
  • Ver trailer.

A Laura e o Carlos amam-se como se cada dia fosse o último, e se calhar é essa mesma intensidade do primeiro amor é a que irá separa-los depois de um ano. Neste filme, o diretor encaixa quase de forma exata dois das suas curtas-metragens, o sutil, amargo e descoroçoador Siempre quise trabajar em una fábrica (2005), seu debute; e o vulcão de emoções que é a base do filme, de título homónimo, Amar, também do 2005, justo a sequência com a que começa esta espécie de versão estendida.

La Llamada

  • 2 de outubro às 19h00.
  • De Javier Ambrossi e Javier Calvo, Espanha, 2017, 108 minutos.
  • Ver trailer.

Segovia. Campamento cristão “La Brújula”. A Bernarda, uma monja chegada recentemente, quer salvar o campamento com a canção dela Viviremos firmes na fé. A irmã Milagros, uma jovem com dúvidas, lembra-se do muito que gostava dos Presuntos Implicados. E a María e a Susana, duas adolescentes castigadas, têm um grupo chamado Suma Latina. Mas desde que Deus se aparece à María uma noite, tudo está a mudar. E é que Deus adora à Whitney Houston.

Mí Querida Cofradía

  • 2 de outubro às 21h30.
  • De Marta Díaz de Lope Díaz, Espanha, 2018, 87 minutos.
  • Ver trailer.

Carmen, católica, apostólica e malaguenha, vai se convertir na presidenta da sua confraria. Mas se leva uma grande desilusão quando o grupo escolhe ao Ignacio, o máximo rival dela. Longe de aceitar, mete-se numa confusão que parece não ter fim. Pílulas, torrijas, sua filha, a neta e a vizinha. Tem meia aldeia em casa, a outra metade na rua e todos precisam dela. Mas ela só quer que as coisas mudem e vai se encarregar de consegui-lo.

  • Cinema
  • Lisboa
  • Sex, 28 de Setembro —
    Ter, 2 de Outubro 2018

Foro

UCI Cinema – El Corte Inglês, Av. António Augusto de Aguiar 31, 1069-413 Lisboa

Entradas

Mais informações

CineFiesta

Créditos

Organizado pelo ICAA com a colaboração de CineMundo e a Embaixada de Espanha em Portugal

Ferramentas