Festival de Jazz Mostra Espanha 2019

Festival de Jazz Mostra Espanha 2019

Mostra Espanha incorpora na edição de 2019 un programa de jazz que traz a Lisboa o mais representativo do jazz espanhol atual.

MAP (Mezquida Aurignac Prats)

  • 21 de novembro às 21h.
  • No Hot Clube Portugal.

M.A.P é o acrónimo de três jovens personalidades da música —Mezquida, Aurignac y Prats— juntas num trio e que lideram a partes iguais um projecto sugestivo e que desde a sua formacão em 2015 foi aclamado como um dos mais interessantes do panorama jazzístico nacional e internacional. M.A.P remete para um lugar e um tempo imaginados. É uma síntese regeneradora de músicas e estilos populares, académicos e livres. Uma confluência da musicalidade de Mezquida, a paixão e visceralidade de Aurignac e a fantasia estruturada de Prats. Música sem fronteiras, que configura um mapa de sons sem limites, um convite a uma viagem musical inexplorada e emocionalmente forte, com conspícuas referências a Bill Evans, Keith Jarrett, Brad Mehldau, Agustí Fernández, Charlie Parker.

Perico Sambeat Group

  • 22 de novembro às 21h.
  • No Hot Clube Portugal.

O saxofonista alto Perico Sambeat é considerado um dos grandes músicos espanhóis de jazz. Ganhou a pulso um grande prestígio pela sua extraordinária carreira profissional, tanto dentro como fora de Espanha. Com mais de uma vintena de discos como líder e mais de cem como acompanhante, destacam-se os seus trabalhos com grandes figuras como Brad Mehldau, Kurt Rosenwinkel, Tete Montoliu, Michael Brecker, Pat Metheny e um longo etcétera. A sua prolífica carreira profissional tem-no levado a participar em festivais e programações de todo o mundo e a fazer discos, entre os quais se destacam Uptown Dance com Mike Mossman e David Kikoski.

Javier Alcántara & Short Stories Band

  • 23 de novembro às 21h.
  • Nno Hot Clube Portugal.

A Short Stories Band com um selo único e pessoal converteu-se numa banda de referência no género, pela qual têm passado e passam alguns dos mais destacados instrumentistas de jazz nacional e internacional.

O seu último e bem sucedido disco Resilience ouviu-se em alguns dos festivais, clubes, e teatros mais importantes do mundo do Jazz e da World Music com grande sucesso de crítica e de público. Mais de quarenta concertos; Bogui Jazz Madrid, Festival Internacional WOMAD 2017, Festival de Jazz del Circulo de Bellas Artes 2017, Festival de Jazz de Cádiz 2017, Festival de Jazz de Lisboa 2016, Jazz Sardoal 2017, Festival de Jazz de Badajoz 2016…

Javier Alcántara é um dos compositores e guitarristas mais destacados da sua geração, vencedor do concurso de novos talentos do festival Portón de Jazz, inicia a sua carreira em 2008 com Namouche, gravado em Lisboa com a formação Special Quartet (e a participação de músicos de reconhecido prestígio como Perico Sambeat, Alexis Cuadrado, Hugo Alves…), mas é com o seu primeiro disco como líder, Short Stories, quando obtém um grande sucesso de crítica e público (o tema Duende de Luz foi eleito entre o melhor do ano 2014 pela conceituada publicação internacional All About Jazz, encabeçando as descargas livres recomendadas no seu site e entrando por direito próprio no nº1 do TOP 200 dos últimos 20 anos com mais de 70.000 descargas).

Jose Carra Trío

  • 23 de novembro às 22h.
  • No Hot Clube Portugal

O compositor e pianista Jose Carra é um dos pianistas mais criativos da nova geração de músicos de jazz espanhóis. A sua música, fortemente influenciada pela música clássica e o jazz, faz referência a muitos outros estilos como o rock, o pop, a electrónica ou a música popular. A poesia também joga um papel fundamental na sua música, criando um universo totalmente pessoal e reconhecível.

A firma discográfica Taghrid Records lança o novo álbum de Jose Carra, intitulado Diario de vuelo em setembro de 2018. Nele recolhem-se 12 novas composições de Carra que interpreta com o contrabaixista Bori Albero e o bateria Dani Domínguez. Após o sucesso do último álbum do trio (Verso), desta vez submergem num som mais experimental, com melodias minimalistas e uma base rítmica próxima à electrónica e ao rock com o uso de pedais de efeitos no piano, sintetizador e cassetes modificadas.

Nesse ano foram seleccionados pela Fundação SGAE para representar Espanha no JazzEñe 2018. Para além disso são um dos cinco grupos eleitos pela Associação de Intérpretes e Executantes para realizar a digressão AIE Jazz en Ruta durante 2019.

Verónica Ferreiro & Javier Sánchez Duo

  • 24 de novembro às 21h.
  • No Duetos da Sé.

Verónica Ferreiro e Javier Sánchez dois aclamados músicos do panorama espanhol, juntam forças para criar um novo projecto musical que trascende etiquetas, âmbitos e estilos. A meio caminho entre a música clássica, o folk, o jazz e o indie, a personalíssima voz de Verónica, e as suas letras exclusivamente em galego, fundem-se na perfeição, com as composições e arranjos estelares de Sánchez.

  • Música
  • Lisboa
  • Qui, 21 de Novembro —
    Dom, 24 de Novembro 2019

Foro

Hot Cuble de Portugal, Praça da Alegria 48, 1250-004 Lisboa
213-460-305

Entradas

Entrada livre

Mais informações

Mostra Espanha 2019

Créditos

Organizado pelo Ministério da Cultura e Desporto de Espanha e a Embaixada de Espanha em Portugal

Ferramentas