Festival Internacional de Máscara Ibérica 2018

Festival Internacional de Máscara Ibérica 2018

A 12ª Edição do FIMI chega este ano ao Jardim da Praça do Imperio de Belém convertido numo dos festivais culturais mais importantes da Península Ibérica.

Realizado numa parceria entre a Progestur (ADGTCP – Turismo e Cultura), a EGEAC (Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural) e a Câmara Municipal de Lisboa, o Festival Internacional da Mascára Ibérica (FIMI) apresenta-se, desde 2006, como um projeto de dimensão ibérica e internacional que potencia o conhecimento, a promoção e divulgação de vários aspetos da cultura popular comuns nos territórios de Portugal e Espanha, tendo como tema central a Máscara. Todos os anos, esta grande mostra cultural reúne grupos de máscaras vindos de várias regiões de Portugal e Espanha para encantar a cidade de Lisboa com uma riqueza histórica, cultural e artística.

Atualmente o FIMI realiza-se no Jardim da Praça do Império, em Belém, no inicio do mês de Maio durante quatro dias. O seu conceito integra:

  • Grande Desfile da Máscara Ibérica – momento mais aguardado de todo o programa do festival. Todos os anos mais de 450 a 700 participantes de mais de 30 grupos de Máscaras da Península Ibérica e alguns convidados de outros países projetam alegria, diversão, tradição, identidade cultural na sua passagem apoteótica pelas ruas de Belém. Durante 2 horas, o percurso é feito com muita alegria e energia que promove a constante interatividade com o público criando momentos e experiências inesperadas numa tónica de permanente e contagiante diversão.
  • Mostra das Regiões – música, dança, gastronomia regional, doces conventuais, artesanato, exposições de fotografia, workshops, show cookings, tertúlias, entre muitas outras atrações fazem parte da programação da Mostra de Regiões. Este espaço pretende divulgar e promover regiões de Portugal e Espanha.
  • Palco Ibérico – aposta na componente musical no festival, o Palco Ibérico oferece concertos de música folk de raiz tradicional ibérica, com elementos de fusão entre o ska, reggae e rock. Nas noites de sexta-feira e sábado, assim como na tarde de domingo, esta atração na programação leva a animação ao público presente no Jardim da Praça do Império.
  • Concurso de Fotografia. Este passatempo que antecipa cada edição do Festival Internacional da Máscara Ibérica procura proporcionar uma maior interação entre os espectadores e a atividade cultural que o Desfile, per si, oferece. Neste âmbito o público é convidado a registar várias imagens ao longo do desfile e a partilha-las através da participação no Concurso de Fotografia.

Oscar Ibañez & Tribo

  • No Palco Ibérico às 21h30 na sexta-feira dia 18.

Nascido em 1976, em Pontevedra, na Galiza, Oscar Ibañez, virtuoso músico e especialista em música tradicional galega, começou a tocar gaita com o grupo Treboada de Poio, em 1984. De 1989 a 2014 fez parte da Agrupación Folclórica Celme de Pontevedra, com quem participou em inúmeros festivais internacionais, contactando com gaiteiros asturianos, escoceses, irlandeses, búlgaros e de muitas outras nacionalidades.

Produziu diversos trabalhos discográficos e muitos outros projetos relacionados com a área da música. Atualmente está a apresentar o seu novo projeto musical, Oscar Ibáñez & Tribo, formado por renomados músicos galegos.

  • Património cultural
  • Lisboa
  • Qui, 17 de Maio —
    Dom, 20 de Maio 2018

Foro

Jardim da Praça do Império, 1449-003 Lisboa
217-599-141

Entradas

Entrada livre

Mais informações

Festival Internacional de Máscara Ibérica

Créditos

Organizado por Progestur, EGEAC e a Cámara Municipal de Lisboa

Ferramentas