Mostra Espanha 2011 em Coimbra

Mostra Espanha 2011 em Coimbra

Música: ‘As Cantigas em Galaico-Português. Trovadores do oeste da Península Ibérica’.

Até o século XIV o idioma utilizado na poesia e nas canções nos reinos de Castela, Leão e Portugal era o antigo idioma galego, técnicamente designado galaico-português. Na corte de Afonso X o Sábio a língua castelhana é definitivamente considerada como o idioma oficial para os documentos científicos e históricos, suplantando o latim.

O grupo Música Antigua, sob a direção de Eduardo Paniagua, recupera e interpreta as Cantigas de Santa Maria de Afonso X o Sábio, bem como a música contemporânea deste singular rei poeta. Para tal, conta habitualmente com especialistas vocais e instrumentais.

O programa completa-se com a realização de duas conferências a cargo do próprio Paniagua e da professora Laura Fernández.

Mostra de Espanha 2011

II Mostra Espanha 2011 (em Portugal) e a IX Mostra Portuguesa (em Espanha): dois programas simultâneos de intercâmbio cultural durante, onde estes dois países terão a oportunidade de estreitar laços de amizade e estabelecer um diálogo cultural. 

A Mostra de Espanha em Portugal estender-se por várias cidades: Lisboa, Porto, Coimbra, Palmela e Almada. Começando a análise do programa igualmente pela música, o Ministério da Cultura espanhol optou por representar o panorama musical do seu país atravês de actuações como a de Luis Pastor, Joaquín Achúcarro, Kepa Junkera ou o grupo de trovadores que interpretará As cantigas em galaico-português.

A Mostra de Espanha em Portugal estender-se por várias cidades: Lisboa, Porto, Coimbra, Palmela e Almada. Começando a análise do programa igualmente pela música, o Ministério da Cultura espanhol optou por representar o panorama musical do seu país atravês de actuações como a de Luis Pastor, Joaquín Achúcarro, Kepa Junkera ou o grupo de trovadores que interpretará As cantigas em galaico-português.

No que diz respeito a exposições, à excepção da Exposição Nulla Dies Sine Lima, dedicada ao design espanhol contemporâneo, a fotografia será a grande protagonista. As mostras fotográficas estarão presentes em todas as cidades incluídas no programa da mostra e consistirão em exposições como a Urbscapes (Fotografia urbana de arquitectura); A Cena Quotidiana (Fotografia de Óscar Fernández Orengo); ou uma retrospectiva de Luis Ramón Marín.

A literatura, por seu turno, contará com um amplo leque de eventos em forma de colóquio e seminário. Destacamos sobretudo os encontros de Poetas Ibéricos Hoje; os Fóruns Transfronteiriços para a Cultura e o seminário Texto e Representação.

Quanto ao cinema, haverá dois eventos: Ficção, onde serão projectados onze filmes espanhóis em forma de ciclo; e Documentários, no qual serão projectados de igual forma sete documentais de produção espanhola.

Finalmente, e não por ser menos importante, na modalidade teatral, a mostra contará com a representação da clássica obra Numância de Miguel de Cervantes.

Ver agenda completa em Coimbra (PDF).

  • Artes cénicas
  • Coimbra
  • Qua, 30 de Novembro 2011

Foro

Teatro Académico Gil Vicente (TAGV), Praça da República, 3000 Coimbra

Mais informações

Site oficial

Créditos

Organizado pelo Ministério da Cultura, Governo de Espanha.

Ferramentas