Regresso a Max Aub

Regresso a Max Aub

Esta exposição propõe um percurso cronológico e panorâmico pela obra de Max Aub, como reconhecimento a um escritor fundamental da literatura em espanhol.

A obra de Max Aub tem tantas regiões, cantos, afluentes e mesmo armadilhas que poderia ter o mesmo título que ele deu ao seu ciclo narrativo mais conhecido, talvez a sua principal obra mestra: um labirinto mágico. A mencionada obra não pode entender-se sem uma breve análise da sua vida, a qual esteve condicionada de um modo determinante e irreversível pela Guerra Civil, como a de tantos espanhóis da sua geração.

A exposição organiza-se em quatro espaços que correspondem a quatro segmentos cronológicos (Primeiros anos; Guerra Civil e primeira Pós-guerra; México, e últimos anos –que incluem os seus dois regressos a Espanha), com um objetivo didático ao tempo que quer dar resposta também a aqueles visitantes familiarizados com a vida e a obra de Aub.

Toda a sua obra literária é mostrada de maneira exaustiva, além de inúmeras fotografias, pinturas, revistas, documentos pessoais e correspondência, até um total de 125 peças que nos mostram a riqueza do seu universo.

  • Artes visuais
  • Lisboa
  • Qua, 24 de Abril —
    Sex, 7 de Junho 2019

Foro

Instituto Cervantes de Lisboa, R. de Santa Marta 43F, 1150-140 Lisboa
213-105-020

Entradas

Entrada livre. Horarios: de segunda a sexta-feira, das 10:00h às 20:00h; sábados, das 10:00h às 13:30h; domingos e feriados, encerrado

Mais informações

Instituto Cervantes de Lisboa

Créditos

Organizado pelo Instituto Cervantes de Lisboa

Ferramentas