Habrás de ir a la guerra que empieza hoy

Habrás de ir a la guerra que empieza hoy

Este espetáculo teatral de Fidalgo Lareo conta a história do seu avô no contexto da Guerra Civil espanhola.

Para os críticos do jornal Público, este foi o Melhor Espectáculo de Teatro de 2015. Nele, a figura carismática e a vida preenchida de Giordano Lareo, o tio-bisavô do autor e encenador, convidam à redescoberta da história de uma família e de um país.

O velho Lareo foi prisioneiro durante a Guerra Civil Espanhola, partiu para o exílio depois de escapar à execução, trabalhou como professor, tradutor e tesoureiro, e foi o representante da Nestlé na Patagónia, o inventor de um sofá-cama e o autor do primeiro manual de origami publicado na Argentina. Como escreve o crítico Jorge Louraço, esta figura é convocada “pela interpretação precisa de Cláudio da Silva, concreto, decidido, em pleno, capaz de fazer uma sala viajar no tempo e no espaço”.

Pablo Fidalgo Lareo (n. 1984) é um escritor, criador teatral e programador espanhol. É autor dos livros de poemas: La educación física, La retirada e Mis padres: Romeo y Julieta. Colabora actualmente com os artistas Cláudia Dias, Ana Borralho e João Galante. Dirige o projecto MARCO Escena em Vigo e é director artístico do Festival Escenas do Cambio na Cidade de Cultura, em Santiago de Compostela.

  • Artes cénicas
  • Almada
  • Sáb, Novembro 18 —
    Dom, Novembro 19, 2017

Foro

Venue map

Teatro Municipal Joaquim Benite, Av. Prof. Egas Moniz, 2800-066 Almada
212-739-360

Entradas

Mais informações

Teatro Municipal Joaquim Benite

Créditos

Co-produzido pelo Teatro Maria Matos, Festival TNT, Festival BAD e Festival de Otoño a Primavera.

Ferramentas